Nascida em uma família ligada ao agro – o pai é engenheiro florestal e a mãe advogada do setor -, Rafaela Gontijo costuma dizer que foi criada com a terra debaixo da unha.

A mineira é formada em Relações Internacionais e durante anos dedicou-se a cargos executivos em grandes companhias. O tino para o empreendedorismo surgiu através da paixão pelo pão de queijo, o que ela só saboreava na fazenda dos pais.

A ideia de levar uma experiência caipira, dentro de um saquinho, para o maior número de pessoas possível fez com que a NUU ganhasse vida.

A marca que tem em seu corpo de colaboradores prioritariamente mulheres, vem traçando um modelo de indústria regenerativa – carbono neutro, valorização dos pequenos produtores, fábrica com economia circular, compensação de embalagens entre outros destaques.

“Acredito muito na gestão holística, em empresas que curam. Essa visão do cuidado é própria do feminino. O lugar que chegamos enquanto sociedade foi um somatório de decisões majoritariamente masculinas.

Além de confiar no olhar feminino para construir empresas conscientes, acredito que enquanto fundadora mulher tenho a obrigação de dar oportunidades para mais mulheres poderem ter a voz que merecem no mercado de trabalho”, finaliza Rafaela.

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *