Tuca Mezzomo, 30 anos, é quem encabeça e assume as cozinhas do Charco e Naia. O chef, gaúcho da cidade de Passo Fundo, já trabalhou em restaurantes como Dalva e Dito, Nino Cucina, Peppino Bar, Da Marino e Salumeria – este último participando também de todo o projeto da casa. 

Descendente de italianos, Tuca decidiu aos 14 anos trabalhar com comida. Desde então ele se dedica a pesquisas da culinária sulista e do mar, incluindo sua paixão por charcutaria que envolve passagem pela Alemanha – um dos maiores redutos mundiais de embutidos. 

Toda a sua dedicação se reflete nas receitas oferecidas no Charco, que aposta na brasa como protagonista da casa e no recente Naia, que aposta na delicadeza dos peixes e frutos do mar. 

Em ambas as casa  grande parte dos ingredientes é feita do zero, como é o caso da manteiga, do pão de fermentação natural e da bottarga. 

A cozinha autoral do Charco rendeu importantes premiações. O restaurante foi eleito, em 2019, como Novidade do Ano pelo jornal Folha de S. Paulo – O Melhor de S. Paulo e  Chef Revelação, pelo voto popular do Comer & Beber, da Veja São Paulo. 

Além disso, o restaurante recebeu as indicações de Estreia do Ano e Chef Revelação, pela Comer & Beber, da Veja São Paulo, Chef Patissieère e Chef Revelação, pelo Melhores do Ano, da Prazeres da Mesa e foi indicado Melhor restaurante aberto em 2019 por voto popular pelo Melhores do Guia, da Folha de S. Paulo.  Recentemente o Charco recebeu o Bib Gourmand, do Guia Michelin.

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *